25/05/2024
Início » Exaustão da equipe confinada em Chernobyl representa perigo ao mundo

A crescente exaustão dos funcionários confinados por “10 dias” na usina nuclear de Chernobyl não é apenas “difícil”, mas pode representar “um perigo para o mundo”, disse Yuriy Fomichev, prefeito de Slavutych, à CNN em entrevista por telefone neste sábado (3).

“As pessoas estão cansadas; elas estão exaustas, tanto mental quanto emocionalmente, e principalmente fisicamente”, disse Fomichev, acrescentando que mais de 100 pessoas na fábrica são funcionários do turno, e que deveriam ter trocado após 12 horas.

“Uma instalação nuclear administrada pelo mesmo turno de 100 pessoas sem interrupção por 10 dias consecutivos significa que seus níveis de concentração são muito baixos. A principal coisa que queremos transmitir é que isso é muito perigoso”,

disse Fomichev.

Os funcionários da fábrica comem apenas uma refeição por dia e têm tempo limitado para entrar em contato com suas famílias, disse Fomichev.

Slavutych, uma cidade no norte da Ucrânia, foi construída propositalmente em 1986 para abrigar o pessoal evacuado da usina de Chernobyl, local do pior desastre nuclear do mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *