16/07/2024
Início » Romeu Zema suspende ‘saidinha’ de presos em Minas Gerais

Sem ‘saidinhas’. O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (NOVO-MG), confirmou que não permitirá a circulação de presos durante o carnaval.

Por ora, o benefício concedido aos criminosos está suspenso em quase todas as 34 cidades da Região Metropolitana de Belo Horizonte. Em ato de continuidade, a Secretaria estadual de Justiça trabalha para ampliar a restrição para todos os municípios de Minas, sem exceção.

O objetivo da ação, segundo Zema, é oferecer “segurança a toda a população, incluindo os foliões”.

Em entrevista, o governador relembrou o caso do PM Roger Dias da Cunha, que foi baleado na cabeça por um beneficiado pela ‘saidinha’ e morreu, em janeiro, em Belo Horizonte.

“Fiquei profundamente triste e constrangido com o fato e falei que em Minas Gerais nós faríamos de tudo ao nosso alcance para que haja mais critério nessas saidinhas. Eu quero um estado seguro. Quem trabalha, quem é policial não pode ficar à mercê de pessoas que não merecem esse benefício”, relatou.

Apesar dos esforços, o Ministério Público de Minas Gerais tem se oposto à ação. Zema, no entanto, assegura que continuará mantendo a posição já firmada anteriormente, e que recorrerá à todas as instâncias.

“Estamos, inclusive, indo até Brasília, lutando com nossos senadores e deputados federais para que mudem e alterem essa lei restringindo esses benefícios. Somente em casos excepcionais você deve dar o benefício para quem merece”, emendou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *