24/06/2024
Início » Em entrevista, Débora Menezes questiona a qualidade de internet para os jovens do interior do AM

“Como os nossos jovens do interior vão concorrer com os jovens da capital ou de outros estados, se eles não têm acesso a uma internet de qualidade para estudar e se capacitar?”, questionou Débora Menezes durante entrevista nesta segunda.

“Como os nossos jovens do interior vão concorrer com os jovens da capital ou de outros estados, se eles não têm acesso a uma internet de qualidade para estudar e se capacitar?”, questionou Débora Menezes, pré-candidata a Deputada Estadual, durante entrevista nesta segunda-feira (27), na roda de conversa no QuartoPoder Podcast, à convite do Chef Leão, âncora do programa. Na ocasião, eles abordaram assuntos relacionados à educação, esporte, juventude, empreendedorismo entre outros temas. O bate papo contou ainda com a presença do jovem atleta amazonense Gabriel Vitor, lutador de jiu-jtsu.

Durante a entrevista, Débora destacou sua trajetória profissional como advogada, empreendedora e também fez uma reflexão sobre suas visitas ao interior do estado, onde lembrou de quando participou voluntariamente de projetos sociais como missionária, levando serviços médicos e odontológicos nas cidades mais carentes, há quase 10 anos atrás e fez um paralelo com o momento atual onde, visitando os mesmos lugares, pôde constatar que os problemas relatados pela população continuam os mesmos.

“Eu já havia passado algum tempo no interior. Durante 3 anos, fiz trabalhos voluntários como missionária, levando serviços médicos e odontológicos. O que me entristeceu ao voltar agora, quase 10 anos depois para conversar com as pessoas e entender sua realidade, é que eu não precisei mais conhecer realidade alguma, pois é a mesma, nada mudou, as pessoas continuam necessitando dos mesmos recursos como falta de escolas, de postos de saúde, infraestrutura precária, falta de internet”, comentou ao destacar que a impressão que tem é que todos adormeceram e estão em estado de dormência.

“Como é que o nosso jovem do interior vai concorrer com um jovem da capital ou de outros estados se ele não tem acesso às facilidades que a internet proporciona para poder estudar, se capacitar, com cursos preparatórios? O que parece é que os nossos parlamentares querem mantê-los reféns da falta de informação”, criticou Débora.

Na entrevista, a pré-candidata explicou que dentre as principais questões que precisam de atenção e que devem compor suas agendas estão aquelas que mais sofreram impacto durante a pandemia, como a saúde, a educação e a economia. Além disso, salientou que é necessário investimentos no setor tecnológico, considerado por ela como o mercado do futuro.

Informações da Assessoria.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *