24/06/2024
Início » O novo plano de Lula

A mais nova investida do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) chama-se Randolfe Rodrigues. O líder esquerdista tem depositado sua confiança no senador da Rede para chamar a atenção dos holofotes midiáticos em torno da CPMI do 8 de janeiro.

Ciente da estratégia adotada pela CPMI da Pandemia, em que a visibilidade midiática foi colocada em evidência em todo o tempo, Lula quer repetir a abordagem.

André Fernandes, do PL, que foi o autor da Comissão, não mais tem sido explorado pelos veículos de comunicação. Desde os últimos diss, a imprensa passou a dar espaço à base governista, especialmente dando mais tempo ao senador Randolfe.

Na terça-feira (9), inclusive, o parlamentar tomou para si a inciativa de cravar uma data para a instalação do colegiado. Segundo ele, a CPMI deve ser instalada na semana que vem, no próximo dia 17. O governista alega que ainda faltam indicações de alguns dos partidos que compõem a base aliada. “Feitas as indicações, a CPMI já estará apta a ser instalada”, comunicou o senador.

Nos bastidores, o clima é de confiança. A cúpula do PT, além dos que estão formando aliança com o partido, estão convictos de que terão maioria absoluta para travar a oposição e conduzir a Comissão sem problemas futuros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *