24/06/2024
Início » Investimentos de R$ 1,38 bilhão são aprovados na 306ª Reunião do CAS
Pauta com 40 projetos industriais e de serviços foi aprovada nesta quinta-feira em reunião que marcou a estreia do novo titular da Sepec/ME, Alexandre Ywata, na presidência do Conselho.

O Conselho de Administração da Suframa (CAS) aprovou nesta quinta-feira (20), durante sua 306ª Reunião Ordinária, uma pauta com 40 projetos industriais e de serviços, sendo 16 de implantação e 24 de atualização e diversificação. Os projetos estimam R$ 1,38 bilhão em novos investimentos para a Zona Franca de Manaus (ZFM) e a geração de 1.589 empregos ao longo dos próximos três anos.

Este marcou o primeiro encontro oficial do CAS presidido pelo novo secretário especial de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia, Alexandre Ywata, que aproveitou a ocasião para agradecer a parceria mantida em aproximadamente quatro meses de gestão com a classe empresarial e produtiva da região e reforçar o compromisso do governo federal em fortalecer as bases da ZFM e promover o desenvolvimento socioeconômico e sustentável da Amazônia.

Outra estreia ocorrida nesta reunião foi a do presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Amazonas (Faea), Munir Lourenço, que tomou posse como novo conselheiro representante das classes produtoras.

Projetos

De acordo com o superintendente da Suframa, Algacir Polsin, com a pauta de 40 projetos chancelada nesta quinta-feira, o CAS chega a 177 projetos industriais e de serviços aprovados em cinco reuniões realizadas no ano, os quais estimam aproximadamente R$ 5,6 bilhões em novos investimentos e mais de 7,2 mil novos empregos na cadeia produtiva regional ao longo dos próximos anos.

Entre os destaques da pautada 306a Reunião, ele citou as proposições da empresa Oben Brasil Ltda, para produção de chapa, folha, tira, fita, película de plástico (exceto a de poliestireno expansível e a auto-adesiva), filme biaxialmente orientado de polipropileno (bopp) e resina termoplástica extrudada (apresentada na forma de grânulos), com investimentos projetados de R$ 653,7 milhões e expectativa de geração de 310 empregos; empresa BZH Indústria e Comércio de Plásticos Ltda, para produção de artigo de matéria plástica (exceto de poliestireno expansível) para transporte ou embalagem e chapa, folha, tira, fita, película de plástico (exceto a de poliestireno expansível e a auto-adesiva), com investimentos projetados de R$ 2,8 milhões e expectativa de geração de 59 empregos; e empresa Valgroup AM Indústria de Masterbach Ltda, que busca diversificar sua linha e produzir masterbatch de polietileno (apresentado na forma de grânulos), com investimentos projetados de R$ 62 milhões e expectativa de geração de 15 empregos.

Outro projeto mencionado pelo superintendente foi o da empresa Flextronics International Tecnologia Ltda, para produção de telefone celular e estação telemétrica, com previsão de investimentos superiores a R$ 174,6 milhões e geração de 483 novos empregos. Segundo Polsin, a expectativa da Suframa, conforme metodologia de análise do projeto, é que este empreendimento induza a geração de outros 2.091 postos de trabalho ao longo da cadeia produtiva e dos serviços necessários à operação da nova planta.

Fonte: SUFRAMA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *