28/02/2024
Início » Ataque em escola cristà de Nashville, nos EUA, foi praticado por uma pessoa trans

O atirador que matou seis pessoas numa escola primária em Nashville, nos Estados Unidos, é um ex-aluno trans. O designer gráfico Aiden Hale, responsável pelo massacre, se identificava pelos pronomes ele/dele.

Logo quando o ataque começou, a polícia recebeu a denúncia de tiroteio. Ao chegar à escola, os agentes ouviram disparos no 2º andar do edifício. É possível ver a correria no local. Foi quando os agentes encontraram Audrey, que passou a se chamar Aiden depois da transição de gênero, portando dois rifles de assalto e uma pistola. Os policias o mataram.

Aiden trabalhava no Shipt, um serviço de entrega de supermercado. Ele morava com a mãe, Norma, que trabalha em uma igreja de Nashville, e com o pai, Ron.

O prefeito de Nashville, John Cooper, manifestou-se sobre o ocorrido no Twitter. “Em uma manhã trágica, Nashville se juntou à temida e longa lista de comunidades que experimentaram um tiroteio em uma escola”, escreveu. “Meu coração está com as famílias das vítimas. Toda nossa cidade está com vocês”, completou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *